EMAK Escola Emanuel Kant

Educando para a Vida. Educando para o Mundo.

Em 1981, duas jovens mães sonham com um lugar ideal para deixar suas filhas. Um lugar que cuidasse com muita responsabilidade e profissionalismo, mas também, com muito amor.

Um lugar que educasse com muita seriedade, psicologia, pedagogia e ensinasse o prazer de aprender. Esse lugar... Um Cantinho... O Cantinho do Cererê. Homenagem ao poeta da cidade que as acolheu. Uma psicóloga, uma pedagoga, um sonho e já quatro aluninhas para começar. O sonho começou na Rua Nicarágua, e, em seis meses teve que se mudar para a Rua Martinica porque já estava grande demais. E ao se transformar em realidade se percebeu que ele ocuparia toda a vida dessas duas jovens e então... Só uma ficou. Mas seu jovem marido então percebeu o quanto seria bom fazer parte desse cantinho de sonhos cheio de crianças brilhantes, maravilhosas, que sua esposa já pensava em ensinar a "aprender a aprender".

Em 1984 eram 250 crianças que no final do ano confraternizaram numa grande festa de encerramento, com fantasias de papel, pulando alegremente num palco sob os olhares cheios de ternura das famílias.

Essas festas de repetiram por muitos anos, sempre cheias de emoção, brilho, risos e júbilo de todos os participantes. Desde 1983 o sonho já ocupava outro lugar, na Rua Guiana, em duas casas que, adaptadas, fizeram caber esse cantinho de educação infantil. O casal proprietário, feliz, pensou num lugar maior. Adquiriram um terreno no coração do bairro.

Que lugar poderia ser melhor?

Mas vieram as dificuldades, oposições ao local, planos econômicos, revezes que não faziam parte dos planos da jovem educadora.

As dificuldades amadureceram o sonho. Ele teria que ter a capacidade de seus alunos de adaptar-se às condições, da forma como Piaget definia aprendizagem.

E assim em 1989 iniciou-se o antigo primeiro grau, atual Ensino Fundamental, já com sua prática considerada na época vanguardista, o chamado "Construtivismo".

Agora existia uma equipe de sonhadores! Também os pais eram parceiros fiéis e confiantes e esse foi o tônico para viver e ensinar condignamente numa fase muito difícil de São José dos Campos e do país.

O jovem empresário continuava fazendo investimentos de ponta para a época: sistemas modernos informatizavam a parte administrativa e pedagógica, laboratórios de informática para os alunos em linguagem logo, cartão magnéticos para os alunos, vídeos educativos, treinamento em qualidade total, em 1990 estávamos muito orgulhosos da Escola Martim Cererê. Menos os adolescentes que viriam a ser chamados de a turma do "Cererê".

E veio a busca por um outro nome que representasse um personagem muito importante dentro da nossa filosofia de ensino. EMANUEL KANT! O primeiro "Construtivista", forma simplista de explicar que ele tinha tudo a ver com o sonho. A época exigia muita reflexão para mudar o paradigma da nossa postura tradicional de educar. Pensávamos muito, nos reuníamos demais, fazíamos muito cursos em São Paulo.

Resolvemos, então, nos aventurar pelo segundo grau, atual ensino médio. Para começar com o Supletivo, agora já no segundo ano de funcionamento e para nossa alegria os formandos estão preocupados em prestar vestibular e continuar seus estudos - muitos já se encontram matriculados em faculdades!

Para crescer, resolvemos viver a outra parte do sonho. O de trabalhar com uma equipe onde todos são sócios. Vivemos isso desde maio de 1999 e tem sido nosso atual sonhos de viver e aprender a democracia no dia a dia, convivendo com pessoas que tem o mesmo sonho que esperamos, somados, sejam nos próximos 20 anos que virão, se tornar o maior sonho de nossas vidas.


Mais sobre a EMAK

Staff image
Sistema Objetivo
O que diferencia o material didático do Objetivo dos outros sistemas de ensino apostilados é a constante atualização do conteúdo.
Saiba Mais
Staff image
Mente Inovadora
Destinada ao desenvolvimento da consciência e raciocínio infanto-juvenil e fortalecimento do aluno no relacionamento em grupo.
Saiba Mais
Staff image
Escola Solidária
Projeto que identifica, reconhece e fortalece as escolas brasileiras como núcleos de cidadania em suas próprias comunidades.
Saiba Mais
Staff image
Matriculas 2017
Já estão abertas as Matrículas para o ano letivo de 2017. Confira os documentos necessário e outras informações.
Saiba Mais